Poco Tapas: gastronomia molecular em Curitiba | Aline Approves

Poco Tapas: gastronomia molecular em Curitiba

Mais um episódio do #ApprovesCuritiba, agora no Poco Tapas! Pra quem não sabe, em março estive de férias na cidade e acabei fazendo um tour em vários cafés, restaurantes e docerias da região. Foi super demais!

Eu tinha ouvido falar do Poco Tapas pela minha amiga Gio do @guiacapixaba e ela falou que era extremamente fundamental que eu conhecesse o local. Não pensei 2x, né?

poco tapas restaurante

Um pouco da história

Com 6 anos de existência, o Poco Tapas, do Chef Fábio Mattos, tem a proposta de surpreender, atrair e encantar cada cliente que por lá passa. E faz isso com louvor! O local tem como experiência gastronômica um menu degustação de 15 tapas que promete encantar a todos os paladares. O restaurante é bem discreto, aconchegante, confortável, luz baixa e o atendimento é de primeira qualidade.

O Poco Tapas oferta unicamente um menu degustação de 15 tapas ao valor de R$ 130. São 10 etapas salgadas e 5 doces. As tapas são pequenas porções muito famosas na Espanha em diversos bares e restaurantes. Hoje atravessaram fronteiras, tornando-se um estilo de comer, onde você degusta diversos sabores entre amigos e familiares. O Poco Tapas não oferece só tapas espanholas, mas sim diferentes tapas da culinária de 25 países. O legal é que se você for alérgico a frutos do mar, celíaco, intolerante a lactose ou vegetariano, você informa ao garçom (que, antes de qualquer coisa, te pergunta sobre isso assim que você se acomoda à mesa) sua limitação e o menu é alterado e adaptado prontamente de acordo com a sua restrição. Surreal. Ah! O menu é sazonal, por isso, os mesmos pratos que vocês verão aqui podem não estar no menu no dia que forem.

Gastronomia Molecular

Além disso, o Poco Tapas também utiliza técnicas da gastronomia molecular, que é muito conhecida pela criatividade e invenção na montagem dos pratos. A gastronomia molecular nada mais é do que uma “ciência que estuda os fenômenos físico-químicos que ocorrem no ato de cozinhar, garantindo melhor qualidade nutricional, maior precisão nos gestos culinários e melhor sabor, com novas texturas para os alimentos”. (retirado do site do Poco Tapas)

Chef Victor França

Não conheci o Chef Fábio Mattos, mas conheci seu pupilo super talentoso e foda (desculpe a palavra), Chef Victor França, que tem uma super história no Poco Tapas. O cara trabalha desde os 14 anos com a culinária (primeiro estágio) e em seu processo de formação trabalhou com nada mais, nada menos, do que Alex Atala, Claude Troisgros, Celso Freire, Roberta Sudbrack e Flora Madalosso. Que prodígio!

Fez diversos cursos livres e técnicos, atuou em muitos eventos gastronômicos e em 2013 se juntou ao Chef Fábio Mattos no Poco Tapas como sous chef, onde aprendeu mais sobre a gastronomia molecular. E então, desde agosto de 2014 (que foi quando completou 18 anos, socorro! rs), se tornou Chef Executivo do local. Tive a oportunidade de conhecer (e tirar foto, porque virei fã rs) quando fui ao local e o mesmo estava no salão, servindo os clientes e explicando os pratos. Muita honra!

victor frança poco tapas

Chef Victor França e eu. Tietei! rs

Menu Degustação

Bem, vamos ao menu? Começamos com um couvert, um Pão de Feijoada e pasta de Rúcula e Nozes. A pastinha é saborosa e o pão é bem macio.

pao feijoada poco tapas

O primeiro prato do menu foi um Ceviche Havaiano de Peixe com espuma de Limão (no caso, o meu foi adaptado, pois sou alérgica a frutos do mar. O original é com camarão). Um jogo de texturas e sabores bem legais!

ceviche poco tapas

O segundo prato foi o Tomate Verde Frito coberto com Queijo Grelhado, Vinagrete com Vinho Marsala e Azeite de Oliva que é transformado em pó. Transformado em pó, gente! Achei cítrico no ponto certo, muito gostoso!

tomate poco tapas

O próximo foi o Sanduíche de Frango servido com molho Holandês por cima e ao lado Marshmallow molecular perigoso, feito só de Pimenta. A versão original é com Siri, mas olha, que delícia! Adoro molho holandês, a textura tava bacana e eu arrisquei experimentar o marshmallow. Bem forte mesmo! rs

sanduiche frango poco tapas

O 4º prato foi um dos meus favoritos! A Feijoada Completa, que é uma massinha de Arroz com purê de Feijoada, Ovo de Codorna, crocante de Couve, farofinha de Torresmo e, ao lado, Laranja e Cachaça desfiada para comer. Comeria uns 5 desses, é MUITO MARAVILHOSO. E essa laranja e cachaça desfiada pra comer? Forte, boa demais! Amei muito a combinação!

feijoada poco tapas

Esse prato não consegui tirar foto, mas filmei! O Brownie de Costela Bovina, servido com Maionese Defumada e Cebola Caramelizada foi um dos meus favoritos também! Mano, que prato BOM! Nossa senhora do brownie! Nunca imaginei que existia um melhor do que o de chocolate! rs

 

Para limpar o paladar, o Gel de Vodka e Maçã Verde e Sorbet de Limão por cima. A fumaça para de sair e você pode quebrar e comer. O gel é bem fortinho, mas a maçã verde dá uma aliviada, juntamente com o sorbet. Legal que, pra quem não bebe, rola de comer só o sorbet. Mas a experiência em si é super refrescante!

gel vodka sorbet limao poco tapas

 

Depois disso, encaramos uma Panceta de Porco com Cebola Caramelizada, bolacha crocante e Purê de Aipim. Surreal de bom!

panceta poco tapas

Olha a combinação desse prato! Um Frango Oriental ao molho Teriyaki de Laranja e Algodão Doce. O legal é que o teriyaki é feito na hora, pois derrete o Algodão Doce, que vem por cima, com Shoyu, que é espirrado no prato com o spray. Assim, o algodão doce derrete e se mistura com o prato.

frango oriental poco tapas

Gente, para tudo! Que experiência deliciosaaaaa! Não consegui tirar foto com o algodão doce em cima, mas filmei pra vocês terem uma ideia. É muito legal ver ele derretendo!

 

Esse também não tirei foto porque foi o que eu mais gostei! rs Taquito Mexicano, servido com Purê de Mandioquinha e Salsa Cordeiro, Mussarela gratinada e creme de Abóbora em pó. Filmei, observem! O gosto, indescritível. Como o creme de abóbora já ia dissolvendo, eu corri pra comer! rs

 

O último passo salgado foi um prato típico da Coréia: o Bulgogi, um corte de Carne Marinado e grelhado na Pedra há mais de 300º, acompanha arroz de Sushi. A carne se transforma na sua frente, bem macia e o molho é muito bacana.

bulgogi poco tapas

Também filmei para vocês terem ideia de como é o efeito!

 

Sobremesas

Então, depois de 10 pratos e um couvert salgado, vamos para as sobremesas, né? Foram cinco muito bem distribuídas com sabores bem diferenciados e combinações inusitadas, além de umas experiências bem bacanas!

sobremesas poco tapas

As sobremesas (saíram um pouco tremidas, mas…acontece! rs)

O primeiro foi o Tiramisù de Frutas Silvestres com pedacinhos de Frutas Vermelhas, Queijo Mascarpone e bolacha Champagne. De longe minha sobremesa favorita! Amo tiramisù e essa nova versão ganhou meu coração!

A segunda sobremesa foi do Poco Tapas foi a Queijadinha de Coco e Nutella, transformada em pó por cima. Minha segunda favorita! rs

A terceira foi o Fudge de Chocolate com Sal e Alecrim, que puxa um pouco mais pro salgado, o que me agrada muito! A quarta o Pudim de Whisky Jack Daniels, Passas, Nozes e calda de Whisky, que foi o que menos gostei, devido ao forte sabor do whisky, que não sou muito fã, mas Francisco amou!

 

A experiência mais legal foi a sobremesa mais conhecida da casa: a Pipoca Bafo do Dragão, que é Caramelizada e congelada em Nitrogênio Líquido. A gente coloca ela na boca e quanto mais mastiga, mais fumaça faz, saindo pela boca e pelo nariz (o que fica parecendo um dragão soltando fumaça, né? rs). E é bem saborosa, docinha, muito legal! Não tirei foto, mas achei no site!

pipoca poco tapas

Pipoca Bafo do Dragão. Foto retirada do site.

 

Filmei também minha reação recebendo ela na boca! rs

Bebidas

caipirinha poco tapas

Não saia de lá sem experimentar a Caipirinha Molecular (R$ 5), que vem uma esfera de cachaça, limão em pó e açúcar verde. Tem que puxar ela toda na boca e a mistura é realmente bem brasileira, forte e concentrada!

caipirinha shot poco tapas

Para quem não toma álcool, tem um super saboroso: Shot Baiano (R$ 5), uma esfera de menta com água de coco e raspas de limão. Refrescante!

Outro drink que experimentei foi a Sangria Espanhola (R$ 18), feita de vinho cabernet, licor de laranja, conhaque e frutas tropicais. Taça grande, bem servida e muito gostosa!

sangria poco tapas

Segue o cardápio de bebidas:


 

Se estiver ou for em Curitiba, o lugar vale muito a ida. O valor é muito bom pra quantidade e qualidade de pratos servidos, o local é bem aconchegante e eu fiquei muito surpresa com todas as experiências. Saí desejando que, quando voltasse a essa terrinha que amei conhecer, o menu já estivesse diferente! rs

Obrigada pela maravilhosa experiência, Poco Tapas!

E aí, gostaram? Querem mais posts de viagens e locais que visitamos? Visite o #ApprovesViaja!

Beijos!

Poco Tapas

Av. Vicente Machado, 2786, Batel – Curitiba, PR

Reservas: (41) 99682-8758.

Horário: segunda a sábado, à partir das 19h.

E-mail: info@pocotapas.com.br

Instagram / Facebook / Site

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *