Casamento: 5 dicas para as noivinhas iniciantes! | Aline Approves

Casamento: 5 dicas para as noivinhas iniciantes!

Vocês sabem, né? To na missão do casamento! rs

Pra quem não sabe, em dezembro de 2017 fui pedida em casamento pelo Francisco (ele organizou o noivado todo surpresa lá no Eller Restaurante com minhas amigas! Rs) e contei aqui no blog como foi o pedido e um pouco da nossa história.

O pedido foi em dezembro, no Eller Restaurante, na Praia da Costa. Local que amo! Alessandro e Cynthia são os Chefs do local.

Desde então eu tenho sonhado e imaginado como será o meu dia (o que pode render um outro post, se vocês quiserem). E confesso: toda hora algo muda ou algum baque chega e vejo que não é bem assim que eu imaginava.

Então decidi escrever aqui 5 dicas pra você, noivinha de plantão, que tá começando a saga agora do casório, assim como eu estou. A ideia é você perceber que não tá sozinha e que certas coisas sim, acontecem, tem que acontecer e vão acontecer! As dicas são pra você se preparar pro início das incessantes buscas e se preparar, lembrando sempre que és mais uma na multidão! Rs

Achou que era baratinho? Nananinanããão!

1. Casar é CARO! Poupe dinheiro.

É, sei que todo mundo sabe desse quesito, mas acredite: é mais do que você espera! Dependendo do porte, do tipo de comida, do horário que você quer casar, do que você quer na festa, encarece e muito! O Espírito Santo, por exemplo, é um dos Estados mais caros para se casar, os preços são maiores que algumas outras cidades e capitais muito maiores que aqui, o que deixa a gente mais desanimado ainda.

Confesso que quando Francisco me pediu em casamento eu fui eufórica já buscar orçamentos e nem sabia direito o que eu queria. E fui desanimando. Fui vendo que tudo era muito caro, muito além do que eu imaginava, achava que não ia dar certo, chorava escondido, entrei em desespero! Como que alguém que paga aluguel nos dias de hoje consegue casar? Como lidar com tantos boletos ao mesmo tempo? Pois é. E se quiser montar a casa ainda na mesma época, pior!

Eu desanimei, abandonei os planos por um tempo, pensei em fazer só cartório, mas voltei. Porque ter uma festa de casamento (sem fazer loucuras, dentro das minhas possibilidades, hoje percebo isso) é meu sonho, então vou atrás disso. E pra ir atrás, tem que POUPAR dinheiro. Quebre cartões de crédito, evite fazer dívidas (acredite, o casamento te fará parcelar muita coisa, então evite por um tempo esses gastos pessoais), poupe mesmo. Abra mão de saídas, barateie algumas coisas (tipo almoço fora de casa) e peça ajuda aos amigos evitando programas caros. Se der, até arrume um segundo trabalho pra ajudar nas finanças, como vender bolos e doces. Planeje! Trace uma meta e vai na fé!

Lembre-se: companheirismo sempre!

2. Não tenha vergonha de pedir desconto!

É, muita gente (digo por mim mesmo) não tem o hábito de pedir desconto por achar que a pessoa pode pensar que você está desvalorizando o trabalho dela, mas não é bem isso. A gente barateia e pede porque tem que fazer, gente! Estamos entre a cruz e a espada! Rs Eu realmente não sei como é a margem de lucro de fornecedores de casamento (mas eu imagino que não seja pequena, por ser uma indústria bem lucrativa), mas pra realizar nossos sonhos, vale fugir da zona de conforto e arriscar no choro, né?

Outra dica: vá a Feiras de Noivas e participe de grupos de Noivas, pois eles fornecem vários descontos e pacotes promocionais. Fique atenta às datas dessas feiras em sua cidade e se programe para ir. Junte o ponto 1 a essa dica e você vai encontrar condições bem bacanas lá que às vezes vale a pena pagar à vista, chorar mais e fechar negócio. Digo isso porque, também, em feiras você descobre e conhece mais fornecedores daquilo que você queria que, inclusive, pode se identificar mais. Saber seu limite e estimular um também ajuda muito. Entenda que terá que abrir mão de algo e não se sinta mal por isso! (É difícil, eu sei. É seu sonho, mas se não houver concessão, acordos e até entendimento para ceder em algumas opções, capaz de nem rolar casório. Fique atenta!)

Não tenha medo nem vergonha de conversar com outras pessoas!

3. Converse com outras noivas.

Se tem uma coisa que eu aprendi é que noiva ADORA falar de casamento e, principalmente, compartilhar experiências. Eu participo hoje de alguns grupos no whatsapp (entre eles o Noivas Capixabas), vejo pinterest, facebook, instagram, procuro várias inspirações e depoimentos de noivas dando dicas de como conseguiram realizar o seu sonho com pouco dinheiro, vejo o que vale a pena baratear (e até abrir mão ou fazer eu mesma), o que não dá pra ficar sem (lista de prioridades) e inclusive procuro experiências negativas, o que vai te fazer fugir de cada cilada que tu vai agradecer a Deus por futucar noites a fio blogs e ferramentas com opiniões de pessoas sobre determinados fornecedores e locais.

Hoje tenho uma outra visão de muita coisa graças a essas conversas paralelas e compartilhamento de experiências com outras noivas. A gente fica sabendo de cada coisa cascuda e descobre cada caso que é incrível! Vale muito a pena filtrar tudo pra sua realidade financeira (muito importante), aproveitar para o seu caso e o mais indispensável: não desesperar, porque muitas noivinhas te ajudam com muito bom grado!

Pediu, amiguinho? Agora aguenta a piração! rs

4. Não vá pela ideia dos outros: siga o seu coração (e o seu estilo).

Galera adora dar palpite na sua vida, ainda mais numa festa que (talvez) seja convidado. “Faz em tal lugar”, “Casa logo!”, “Não precisa fazer festão, só faz um bolinho”, “Mas é essa paleta de cor que você vai escolher? Essas flores? Nossa”, “Mas esse vestido eu não gostei”. Cara, é cada absurdo que você escuta, lê…que é de chorar (mas não chore!). Faça as pessoas respeitarem o seu gosto e o do seu noivo, o seu espaço, o seu tempo e o seu dinheiro! É o dia de vocês, é pra comemorar uma união que tem que ser a cara de vocês e do jeito que vocês gostam! Lembre-se disso! Não se desespere para agradar os outros e saia insatisfeita!

Imponha-se. Eu corto mesmo. Até porque, ninguém vai pagar os boletos que chegarão todo mês. E nessa vibe, é bom que você descobre quem chamar e quem não chamar! Assim vai evitar o estresse.

  1. Outra coisa é: planeje! Busque seu estilo, leia artigos em blogs de casamento, convide quem você acha importante, descubra o tipo de decoração, de festa, se de dia ou de noite, que vocês gostem e dentro do seu orçamento! Não faça loucuras! Isso é essencial. Afinal de contas, não adianta casar com o seu relacionamento abalado por causa de festa e de gente se metendo na vida de vocês antes mesmo de começar.

Lembre-se: amor acima de tudo! Seu momento tem que ser perfeito!

5. Você vai chorar, vai se estressar, mas respira!

Esse é o mais importante e digo de coração: o estresse vai te dominar, mas não se entregue. Eu, no início, pirei com orçamentos, queria conversar toda hora sobre isso e meio que esqueci de curtir um tico meu noivado, estressando também Francisco. Pirei, chorava, falava que ele me pediu em casamento sem querer casar, que era da boca pra fora…mas depois vi que eu tinha que respirar, ir com calma e aproveitar. Foi quando parei, me vi chegar ao limite e decidi viajar com Francisco e curtir a gente (detalhe que nós nunca tínhamos viajado antes sozinhos pra outro Estado, e nem pra só curtir).

Como eu disse, não adianta brigar, xingar, ficar louca e acabar com seu relacionamento. Aí não tem casamento, festa, nada do que você tá planejando. É claro que rola sim um desencontro de ideias e uma ausência maior do seu noivo, deixando mais na sua mão as decisões. Isso acontece muito porque a maioria dos caras casam mais porque você quer casar e fazer festa, que envolve mais o sonho (por eles era viagem ou algo menor mesmo, isso falando dos casos em que a noiva não se importa com festa, tá?).

Portanto, não assuma toda a responsabilidade para si, independente de contratar cerimonialista (infelizmente tem gente que não tem grana pra bancar uma desde o início) ou não. Compartilhe as responsabilidades. Compre ou organize um planner da noiva, veja em blogs de casamento dicas do que ver com 1 ano, 6 meses antes (muitos blogs compartilham com as noivinhas umas planilhas de orientação mostrando o que ver e em quanto tempo ver antes do casório) e o mais importante de tudo: curta os preparativos do seu casamento! Afinal, é uma vez na vida que acontece, tente não deixar tudo tão “obrigação” e maçante demais.


Gostaram desse post? O que acharam? As fotos minhas e de Chico com caras e bocas foi o Lu e a Cris da Foto Certa que fizeram no meu aniversário, que contei aqui no blog como foi!

Com o projeto #ApprovesvaiCasar, quero compartilhar com vocês algumas loucuras e organizações minhas. O que acham? Podem soltar pauta do que querem ver aqui que compartilha com vocês minha opinião. To no início ainda e to engatinhando, mas essas dicas foram 5 das que percebi de cara!

Logo compartilho mais detalhes da minha data, os fornecedores que vou escolhendo e meus gostos. O que acham?

Beijos! 🙂

comentáriosDeixe um comentário

  • Que post legal 😍
    Pira não, miga hahahaha
    Vem xingar chico no inbox comigo (brinks chico hahaha)
    😘😘😘

  • AMEI! Apenas! E queria compartilhar uma coisa. Como casar sem cerimonialista? É possível? Porque sinceramente, não tenho condições de bancar uma..

    • Ei Natalia! Menina, juro pra você que foi a primeira coisa que pensei tá? E a primeira a querer cortar. Hoje existem vários planos de cerimonialistas (mensal, parcial e total) e de diversos valores, vale pesquisar! Esses grupos de noivas as vezes tem até desconto e até em feiras.
      Eu to tentando fazer tudo sozinha, parte de orçamentos, e vejo orientações e indicações nos grupos e blogs por aí. Mas minha vontade é ter pelo menos no último mês e no dia, acho que vale muito pra te livrar de responsabilidades e problemas que podem surgir no dia, sabe?
      Ainda mais a gente que trabalha e não tem como lidar com tudo ao mesmo tempo. A dica é conversar com várias e ver qual bate com você (de estilo e de alma mesmo) e ir parcelando e procurando uma que $ de pra pagar.
      Espero ter ajudado! 😘

  • Muito bom o post..me ajuda também (me coloca nesses grupos)..também tô pirando kkkkk e como vc disse, acaba atrapalhando nosso relacionamento..é preciso manter a calma! Bjos

    • Ei Flávia! Que bom que gostou! Dá até pra respirar mais tranquilo quando vemos que não é só com a gente, né? Procura no instagram o @noivascapixabas e manda uma mensagem lá pra te adicionarem. Aproveita e segue que sempre tem pacotes legais e dicas! Logo as meninas adicionam você. Super beijo!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *